Blog

03/07/2019

QUAL A MELHOR OPÇÃO DE COMPRA: TERRENO, CASA OU APARTAMENTO?

Terreno, casa ou apartamento? Geralmente esse é o primeiro questionamento que vem à cabeça de quem pensa em investir no mercado imobiliário. Mas a questão mais correta a se fazer no caso é: Qual a relação custo/benefício que cada opção vai me trazer?

Mas é claro que essas resposta varia de acordo com o perfil do comprador, a sua necessidade e capital disponível para o investimento.

 

TERRENOS

Das três opções, um terreno limpo é a melhor fonte de lucro a longo prazo. Bem localizado e com boas referências, qualquer pessoa pode fazer um pequeno investimento que pode se tornar algo realmente rentável no futuro.  Muitos condomínios são construídos a partir de grandes terrenos abandonados e sem nenhum valor comercial aos olhos de leigos. Investir em terrenos no entorno de cidades em crescimento garante a valorização a longo prazo, isso porque as cidades estão se expandindo horizontalmente em ritmo acelerado.

Outro ponto favorável é que se você pensa em construir uma casa neste local, poderá usufruir de cada centímetro quadrado do mesmo, e fazer a casa do jeitinho que você sonha.

O investimento em terrenos é recomendado para quem tem um valor reduzido de capital e não quer deixa-lo parado no Banco.

 

 

CASAS

O investimento em casa é mais alto do que em terreno, mas é ideal para quem procura sossego e paz. O proprietário de casa tem autonomia e independência sobre o imóvel, diferente dos condomínios que possuem vizinhos de porta. Outra vantagem é a questão dos custos mensais. No caso das casas, o proprietário está isento da taxa do condomínio para manutenção.

 

 

APARTAMENTO

A vantagem dos apartamentos é a segurança proporcionada, aliada a área de lazer e serviços frequentes de manutenção. Na hora de investir em imóveis, o apartamento pode sair um pouco mais barato do que a casa, dependendo, claro, de diversos fatores, como a região que o imóvel estará localizado, por exemplo.

Apesar disso, nos apartamentos, a proximidade dos vizinhos é bem maior, o que para uns pode não ser um problema, para outros pode ser algo desagradável. Outro fator relevante é o custo mensal para manter as áreas comuns do condomínio que é, quase sempre, dividida entre os moradores, e quanto mais áreas e serviços comuns estiverem disponíveis no seu residencial (piscina, área de festas, seguranças, câmeras, elevador, etc), mais o preço da taxa condominial crescerá.

Apartamentos são os preferidos para novos casais que estão iniciando, juntos, uma vida nova. A segurança oferecida nos condomínios acaba pesando na escolha, conflitada com a casa, principalmente se o casal pretende ou já tem filhos. Essa confiabilidade e segurança torna-se fator primordial na hora de fazer o investimento.

Terreno, casa ou apartamento? Geralmente esse é o primeiro questionamento que vem à cabeça de quem pensa em investir no mercado imobiliário. Mas a questão mais correta a se fazer no caso é: Qual a relação custo/benefício que cada opção vai me trazer?

Mas é claro que essas resposta varia de acordo com o perfil do comprador, a sua necessidade e capital disponível para o investimento.

 

TERRENOS

Das três opções, um terreno limpo é a melhor fonte de lucro a longo prazo. Bem localizado e com boas referências, qualquer pessoa pode fazer um pequeno investimento que pode se tornar algo realmente rentável no futuro.  Muitos condomínios são construídos a partir de grandes terrenos abandonados e sem nenhum valor comercial aos olhos de leigos. Investir em terrenos no entorno de cidades em crescimento garante a valorização a longo prazo, isso porque as cidades estão se expandindo horizontalmente em ritmo acelerado.

Outro ponto favorável é que se você pensa em construir uma casa neste local, poderá usufruir de cada centímetro quadrado do mesmo, e fazer a casa do jeitinho que você sonha.

O investimento em terrenos é recomendado para quem tem um valor reduzido de capital e não quer deixa-lo parado no Banco.

 

 

CASAS

O investimento em casa é mais alto do que em terreno, mas é ideal para quem procura sossego e paz. O proprietário de casa tem autonomia e independência sobre o imóvel, diferente dos condomínios que possuem vizinhos de porta. Outra vantagem é a questão dos custos mensais. No caso das casas, o proprietário está isento da taxa do condomínio para manutenção.

 

 

APARTAMENTO

A vantagem dos apartamentos é a segurança proporcionada, aliada a área de lazer e serviços frequentes de manutenção. Na hora de investir em imóveis, o apartamento pode sair um pouco mais barato do que a casa, dependendo, claro, de diversos fatores, como a região que o imóvel estará localizado, por exemplo.

Apesar disso, nos apartamentos, a proximidade dos vizinhos é bem maior, o que para uns pode não ser um problema, para outros pode ser algo desagradável. Outro fator relevante é o custo mensal para manter as áreas comuns do condomínio que é, quase sempre, dividida entre os moradores, e quanto mais áreas e serviços comuns estiverem disponíveis no seu residencial (piscina, área de festas, seguranças, câmeras, elevador, etc), mais o preço da taxa condominial crescerá.

Apartamentos são os preferidos para novos casais que estão iniciando, juntos, uma vida nova. A segurança oferecida nos condomínios acaba pesando na escolha, conflitada com a casa, principalmente se o casal pretende ou já tem filhos. Essa confiabilidade e segurança torna-se fator primordial na hora de fazer o investimento.

 

Confira outras notícias

23/05/2019
Você sabia que é possível economizar pagando aluguel?
VANTAGENS EM ALUGAR UM IMÓVEL
18/04/2019
A casa própria é o objetivo da maioria dos brasileiros e há certos itens indispensáveis para aqueles que vão atrás desse
DICAS PARA VALORIZAR SEU IMÓVEL PARA VENDA
08/02/2019
Expectativa é de que ano seja marcado por novos negócios, puxados pelo crescimento da economia brasileira
Mercado imobiliário deve retomar investimentos em 2019